Tenha Uma Boa Higiene Bucal

A higiene bucal deve ser hábito adquirido desde os primeiros anos de vida. Dentes e gengivas sadios são o início de uma vida saudável:

1. Os dentes de leite, mesmo em crianças bem pequenas, devem ser limpos com uma gaze ou com a ponta de uma fralda.
2. Deixe sempre a criança escovar seus próprios dentinhos, para adquirir o hábito. No entanto, os pais devem sempre complementar a escovação.
3. Dê sempre o exemplo às crianças, fazendo sua higiene bucal na presença delas.
4. A escovação deve acontecer imediatamente após todas as refeições.
5. Não tenha pressa em escovar os dentes.
6. Observe se a escova está alcançando todas as superfícies dos dentes.
7. Utilize uma escova de cabeça pequena e cerdas macias.
8. Troque sua escova sempre que for necessário.
9. Evite usar força nos movimentos de escovação. A limpeza ocorre pela ação repetitiva dos movimentos e não pela força.
10. Dê preferência aos movimentos circulares.
11. Massageie sempre as gengivas.
12. Use creme dental com flúor.
13. Observe sempre se as crianças estão escovando realmente seus dentes ou apenas ingerindo creme dental.
14. O uso diário do fio dental é indispensável.
15. Observe sempre se o fio dental está limpando as duas superfícies de contato dos dentes.
16. Os bochechos com soluções fluoretadas devem acontecer diariamente antes de dormir. Estas soluções não devem ser engolidas.
17. Visite seu dentista regularmente.

Os Agentes da Saúde Bucal

No intuito de manter a boca livre de infecções e sem doenças, devemos procurar ter uma alimentação balanceada, evitando alimentos prejudiciais à nossa saúde e ingerindo alimentos saudáveis.

O açúcar é o principal alimento das bactérias causadoras da placa bacteriana, que causa a cárie e outras doenças. Sendo assim devemos evitar a ingestão de balas, chocolates e alimentos doces (com muito açúcar) no período entre as refeições. No entanto se não for possível evitar devemos escovar os nossos dentes após comermos um destes alimentos.

Existem alimentos que são considerados não cariogênicos (não provocam cáries), sendo eles os vegetais, frutas, proteínas entre outros. Estes alimentos são importantes para a manutenção da saúde geral e oral das pessoas.

Também podemos citar a existência de alimentos que são considerados detergentes, ou seja, alimentos que têm o poder de eliminar, durante a sua mastigação, resíduos de outros alimentos que ficaram aderidos à superfície dental. Como exemplo destes alimentos podemos citar, a maçã, a laranja, a pêra, a cenoura e demais frutos carnosos.

Devemos manter uma dieta balanceada e uma higiene perfeita, assim estaremos evitando o desenvolvimento de doenças tanto sistêmicas quanto locais (orais).

 

O Que São as Cáries

A cárie é uma doença infecto-contagiosa multifatorial que resulta em destruição e perda dos dentes se não tratada a tempo e de forma adequada.

Esta doença é provocada por bactérias que estão; constantemente em nossas bocas, no entanto estas bactérias precisam interagir com outros fatores para que a doença cárie se desenvolva. Os outros fatores são o tempo, o substrato (são os restos de alimentos deixados na boca) e o hospedeiro (que somos nós).

Os “buracos” que a cárie faz nos dentes são destruições das superfícies mineralizadas dos dentes devido a ácidos produzidos pelas bactérias que se aderem nos restos alimentares grudados nos dentes.

A única solução para a cárie é a prevenção, portanto para evitarmos a cárie devemos seguir todas as regras de higiene bucal que são:

– Escovar bem os dentes, após as principais refeições (café da manhã, almoço e jantar).
– Passar o fio dental pelo menos uma vez por dia (para limpar as áreas de difícil acesso para as cerdas das escovas dentais).
– Escovar a língua pelo menos uma vez por dia.
– Procurar o dentista regularmente.
– Estabelecer uma dieta balanceada, evitando doces entre as refeições
– Escovar os dentes sempre que comer algo fora de hora, ou seja, entre as refeições.

A cárie é uma doença séria e deve ser evitada a todo custo, pois após a sua instalação o único meio de tratamento é a remoção da parte do dente que está contaminada e a restauração do dente. Sendo que por mais moderno que sejam os materiais restauradores, nenhum é tão bom quanto o próprio dente.

Diversos países da Europa conseguiram erradicar a cárie, provando assim que a prevenção é o melhor meio de combate a esta doença.